ASSPROM | Despertar Talentos
26463
post-template-default,single,single-post,postid-26463,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,smooth_scroll,,qode-theme-ver-1.9,wpb-js-composer js-comp-ver-4.6.2,vc_responsive

Despertar Talentos

Despertar Talentos

12:30 22 dezembro em Noticias
0 Comentários

O Projeto Despertar da Assprom promoveu um show de talentos com os aprendizes da entidade, no dia 14 de dezembro, no auditório da instituição. Esta é a segunda edição do evento e mostrou adolescentes que encontram na arte um prazer e um caminho para extravasar suas emoções.

Todos os adolescentes foram protagonistas da ação e realização do evento. Os aprendizes Jadir Junior Ferreira e Aislon Vitor Santos explicaram sobre o Projeto Despertar para o público.

A aprendiza Natália Fernanda Santos recepcionou os convidados. Débora Germano foi fotógrafa registrando todos os momentos. “Foi maravilhoso. Adoro fotografar e já tenho a fotografia como um hobby. Foi ótima a experiência”, ressalta.

Como mestres de cerimônia Pedro Junio de Paula e Fernanda Sena mostraram que tem muita habilidade e improviso. “A Assprom nos fez o convite para sermos MC nesse evento e abraçamos a causa. Foi a primeira vez que fizemos algo parecido. Foi uma grande experiência para nós dois. Gosto muito de falar e me comunicar. Ao contrário da Fernanda que é tímida, não tenho tantos problemas para falar em público, fiz teatro um tempo o que me ajuda bastante. Como quero estudar Cinema e Comunicação Visual acho que estou no caminho certo”, ressalta Pedro.

As apresentações foram as mais variadas e cada jovem mostrou que tem muito talento na música, poesia, dança e esporte. O aprendiz Samuel Santos por influência de da irmã que lutava Taekwondo, pediu a ela o matriculasse. Após 3 meses de frequência às aulas, participou de um campeonato e ganhou sua primeira medalha de ouro. “Tem muitos jovens que não tem contato com as artes marciais e foi muito bom poder apresentar um pouquinho do que é o taekwondo para eles, os benefícios e malefícios desse esporte, desmistificando que os lutadores são agressivos. Acho que consegui passar um pouco do meu conhecimento para eles”, explica.

Os adolescentes Camila Rodrigues e João Pedro Oliveira apresentaram a canção Photograph de Ed Sheeran. Camila começou o interesse pela música quando a banda da igreja a viu cantando e a chamaram para participar. O João Pedro descobriu seu talento tocando um violão que a mãe tinha em casa. Gostou do instrumento, aprendeu sozinho e tenta se aperfeiçoar todos os dias.

O aprendiz Daniel Rodrigues Moreira vem de uma família de músicos. Ele deu um verdadeiro show cantando a música A sky fell os stars, do Coldplay. Larissa Silva também veio de uma família de músicos. O pai é baterista e a família tem uma banda. Começou a cantar com o pais aos 7 anos. Ela canta junto com uma banda em grupo de jovens. Ela cantou Mikky Ekk, de Rihanna.

Nikolas Moreira Nery e Danielle Jesus Santos também fizeram apresentação musical. Eles cantaram a música Medo Bobo de Maiara e Maraísa. Por fim nas apresentações musicais, Débora Santos Silva e Emanuel Carvalho apresentaram a canção Aleluia, de Leonard Cohen.

Os aprendizes Amanda Isabel Ferreira e Paulo Vinícius Cândido dançaram um forrozinho animado com misturas musicais de bolero, samba e valsa. Amanda, desde criança gosta de dançar. Paulo Vinícius faz aula de dança em uma academia. “Eu faço judô e na volta para casa vi o barulho da dança e resolvi ir lá ver. Como na academia estavam precisando de homens me chamaram para dançar e aceitei. Já tem dois anos que danço lá. É muito bom mostrar o que sabemos fazer para outros adolescentes. Essa iniciativa da Assprom é uma forma de cada aprendiz mostrar o seu talento. É realmente incrível ver o que podem fazer”, destaca Paulo.

A aprendiza Izamara Sabrina Cruz escreve poesias. Em um momento triste de sua vida, decidiu expressar nas palavras seu sentimento. Assim descobriu um novo talento.

Sandro Alves tem 21 anos, participa de movimentos sociais e do grupo de rap “Setor RAP”. O jovem apresentou um Rap de sua própria autoria. “No início, gostava de compor funk consciente, pois gostava de ver os MCs compondo. Mas agora, como minha banda tem perfil de rap estou conseguindo passar a mensagem cada vez mais clara por este estilo musical. É muito bom mostrar um pouquinho da minha composição para todos”, enfatiza.

Participaram da ação:

 

Fernanda Nantes Sena (Mestre de Cerimônia)

Pedro Junio Soares (Mestre de Cerimônia)

Natália Fernanda Campos Santos (Recepcionista e Assistente de Palco)

Débora Cristina Germano Silva (Fotógrafa)

Jadir Junior Ferreira (Apresentou o Projeto Despertar)

Aislon Vitor Santos (Apresentou o Projeto Despertar)

Samuel Santos (Apresentou o Taekwondo)

Daniele Jesus Santos (Cantora) e Nikolas Moreira Nery (Violão)

Débora Santos Silva (Cantora) e Emanuel Siloé S. Carvalho (Violão)

Camila Rodrigues Bento (Cantora) e João Pedro Lima Oliveira (Violão)

Sandro Alves Patrocino (Cantor de Rap)

Paulo Vinícius Xisto Cândido Santos (Dançarino)

Daniel Rodrigues Moreira Pinto (Cantou e tocou violão)

Sem Comentários

Adicione um comentário

Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On InstagramVisit Us On Linkedin